sexta-feira, 11 de novembro de 2011

E Você, sabe o que é ?



Bom FDS !!!!!

Bom Dia é o que posso desejar pois as atrocidades da vida, Me vêm destruindo silenciosamente minhas bases, minhas estruturas, minhas determinações . E voltando a meu passado sei sobreviver ao meio utilizando de seus métodos e maneiras para tocar no sentimento do outro e ai, a partir da dor ou perda ver que alguma coisa está acontecendo e dentro do conflito um com o outro, acredite, que pessoas se acham na razão de reclamar ignorando que também errado está, e o que está solicitando providência é o mesmo que faz corriqueiramente a outros e com isso demonstrando que só vejo meus direitos, e os deveres e obrigações, o que é isso ?
11.11.11
+- 08:32 h
café

JB

As vezes eu me olho no espelho e imagino o amanhã, embora o tempo não abre mão da minha velhice, eu vou renovando a minha fé a cada instante...

José Aires

Entre Cardos

Se entre cardos espinhosos foi
Necessário viver.
Vivi para sair dali.
Nem cardos nem fardos.
Pode um espinho me picar.
Há espinhos por todo o lugar.
São existências da terceira dimensão,
Nem sabem por que aqui estão.
Padecem de muitos males.
O maior de todos é não ter fé.
Não ser capaz de pular o muro que faz
Seu viver escuro.
Em meio à escuridão.
Falta pão!
Falta razão!
Falta ideal de superação.
Falta amor no coração.
A terceira dimensão é mesmo um caldeirão.
Insanidade misturada com maldade.
Inteligência pouca a deixar a gente louca.
Todo o mundo à beira da loucura em busca
Fartura.
Rezar já pouco ou nada vale.
A prece não sobe, desce.
Anda à mistura com ânsias de amargura.
Não tem leveza bastante para daqui se
distanciar e os céus alcançar.
Fica suspensa no ar.
Mas este está carregado de agentes poluentes.
Não favorece o levitar.
Tudo que chega ali tende a se precipitar.
Esqueçam, não adianta rezar!
A Terra mais parece um hospício.
Guerras em todo o lugar
Ninguém em sã consciência se atreveria
a chamar de paraíso este lugar.
E se por ventura algum lugar sanar as necessidades
Mais urgentes.
As mentes doentes vão inventar, algo ainda mais urgente,
para a roda não parar.
É a terceira dimensão a aumentar a pressão.
A puxar a humanidade para o inferno que é.
Tira-nos a razão para nos acostumarmos a viver a
Plenitude da terceira dimensão.
Ó irmão! Ainda não entendeu não?
O inferno é aqui na terceira dimensão.

Lita Moniz


Beijões e Abrações .

Nenhum comentário:

PAZ .

PAZ .

Horloge numérique / digitale