quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Experiência .

 Bom Dia !!!!!

Assim como perdemos o jogo ontem por descuido e pura infantilidade devemos acima de tudo termos mais atenção a tudo que fazemos e mesmo assim não ficamos isentos de erros, por isso devemos aproveitar os momentos mais folgados para as experiências e tendo falhas e erros, assim não serão constrangentes nem definitivos . Procuremos com fibras encarar o corriqueiro não temendo os problemas e sim encarando-os seguindo a vida a procura da harmonia e assim ser feliz .

JB

As vezes somos confundidos por uma verdade além de nossa compreensão; ainda assim procuremos fazer o melhor.

Paulo Coelho

Cor de Canela

Debaixo do pé de jambo
A mineira se deitou para descansar com todo seu encanto
O céu se banhou de vermelho a espera do sol raiar
De repente um assovio se misturou ao canto do sábia
Como o cipó na mata a se alastrar
Manhosa com o Curupira ela veio a se enroscar
Seus pés estão virados para trás
Mais na sua frente ele tem a moça cor de canela que mora em Batatais
Ele coloca o machado no chão
Defende a natureza mais não resiste a um convite a tentação
A deita na relva molhada
Sente na boca o gosto da jabuticaba
A aperta nos braços como um laço bem apertado
Jaquatirica que atiça seu cerrado
De repente um revoar de pássaros no céu
Uma árvore cortada ou um animal matratado
O espírito da floresta encontra a alma de Raquel
O progresso é necessário mais as vezes sabe ser cruel
O amor dos dois a eternidade pode esperar
Mais sem o verde das matas não se pode respirar
Eu sou uma moça e você um anão
Mais não há distância entre nós quando unimos nossas mãos
A palavra não é salvar mais sim conscientizar
O mundo não muda se a gente não mudar
Nem o Curupira nem eu vivemos só de amor e ilusão
Mesmo as avessas caminhamos rumo a evolução
Preservando e respeitando o folclore e a tradição
Nesse mundo ou em outro sempre seremos irmãos
Viro hoje a triste página da ingratidão
Sou 10% matéria e 90% coração
Contra tudo e contra todos
Abro os braços na hora de voar
Não importa as lágrimas nem os sorrisos que ainda irei dar
Meu espírito é livre e minha missão é amar...

Raquel Cinderela as Avessas

Beijões e Abrações .

Nenhum comentário:

PAZ .

PAZ .

Horloge numérique / digitale